terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Caprichoso obstáculo

Detalhe: tirei esta foto do incrível livro Divergente. Porém, o texto abaixo é de minha autoria.


                A menina tinha aquela letra garranchosa que ninguém entendia. Não se importava, pois isso nunca impediu seus devaneios em papel rabiscado. Preferia, pois assim, só quem quisesse muito saber o que ela tinha a dizer se desmancharia em esforços para desfrutar algumas horas de decifra aqui, decifra ali. Não era só no desenho da letra que brincava, mas floreava também no sentido, desgastava o grafite das ideias e borrava o canto das páginas com o improvável.

                O caderno, sempre à disposição de potenciais leitores, em cima de criados-mudos, ao alcance de olhos cegos. Faltavam-lhe, entretanto, tempo, curiosidade, interesse, boa-vontade. E, quando algum destes requisitos era preenchido, sobravam julgamento e senso do ridículo. Uma pena, pois a solidão começa com o fechar da mente. Por isto, ela sempre se certificava de deixar as portas destrancadas, apesar de mantê-las todas encostadas, por medida de segurança. Aquele que fosse ousado o suficiente para testar suas barreiras, entretanto, vê-las-ia ceder sem resistência. Porque, atrás de cada caprichoso obstáculo, havia a preocupação de deixar a mais sincera saudação.

                Escancare a porta. Vire a página. Abra os olhos. Seja bem-vindo. 

10 comentários:

  1. Que bonito texto :)
    Acho que é um bom conselho deixar a porta destrancada, mas levemente encostada para evitar eventuais problemas.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. que texto meigo e cheio de quero mais. Eu queria ler o que a menina escrevia. Se um dia conseguir, me conte.

    ResponderExcluir
  3. Sim, não é aconselhável se fechar totalmente para o mundo, mas também não se deve tirar todas as barreiras, por medida de segurança!

    Obrigada, Srt. Vasconcelos! É só acessar a tag "Imaginação Fértil", haha!

    ResponderExcluir
  4. Amei o texto, como sempre!
    Beijinhos!

    Am
    http://www.vinteepoucos.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Entra no MSN, saudades s2 Debbie também tá (sério)

    ResponderExcluir
  6. Aham, sei e__e Só vou entrar no final de semana, agora, pq já to aqui em jaboticabal çç

    ResponderExcluir
  7. Ah, sim, também to com saudades de vocês! s2 s2

    ResponderExcluir
  8. Você sabe quem /ironia10 de janeiro de 2013 15:19

    Desde quando Jaboticabal não tem internet? e_e Entre logo, bitch! ò.ó

    ResponderExcluir
  9. Ter, tem, mas os beija-flores estão piores do que nunca e eu nem consigo entrar no MSN, Voldemort! ò.ó

    ResponderExcluir

Oi, queridos! Aqui é seu espaço, podem colocar os pés no sofá.